França não envia multas de trânsito para Portugal

1 mês ago by in Fiscalização
IMG_2032

A impunidade dos condutores estrangeiros aos excessos de velocidade em França acabou?
Ainda não – pelo menos para o caso dos veículos com matrícula portuguesa, mais são cada vez mais os condutores de determinados países que recebem as multas no seu país de origem.

Em França, um em cada cinco flash dos radares é provocado por uma viatura de matrícula estrangeira, apesar destes só representarem 5% do tráfego rodoviário.

4200 radares fixos espalhados pelas estradas francesas

Desde 2015, que a diretiva europeia 2015/413 veio abrir portas para que um conjunto de infrações rodoviárias passassem a ser sancionadas um pouco por toda a Europa, mas tal carece da assinatura de acordos de partilha de informação entre países, que não acontecido com a celeridade prevista.

Lista dos países com acordo assinada com a França

Conheça a lista dos países com os quais a França já assinou acordo. Estes acordos são recíprocos.

Luxemburgo, acordo assinado em 2016

Suiça, acordo assinado em julho 2009

Bélgica, acordo assinado em junho 2012

Holanda, acordo assinado em fevereiro 2014, mas unicamente para o controlo automático

Alemanha, acordo assinado em fevereiro 2014, mas unicamente para o controlo automático

Espanha, acordo assinado em janeiro 2015, mas unicamente para o controlo automático

Polónia, acordo assinado em agosto 2015, mas unicamente para o controlo automático

Roménia, acordo assinado em outubro 2015, mas unicamente para o controlo automático

Itália, acordo assinado em janeiro 2016, mas unicamente para o controlo automático

Hungria, acordo em discussão

Mónaco, acordo em discussão

França e Portugal ainda não comunicam entre si as infrações provocadas por veículos estrangeiros. No entanto, se está de regresso a Portugal com um veículo matriculado na Alemanha, Suiça, Itália, Bélgica ou Holanda, não se esqueça de respeitar os limites de velocidade quando passar por França.

Leave a Comment


%d bloggers like this: