Multas acima dos 1500 euros contra a prostituição em França

9 meses ago by in França
Prostituição na Europa

Foi aprovada em França, a Lei que torna ilegal pagar por sexo no país. Os clientes apanhados vão ter de pagar multa e também frequentar aulas onde vão aprender sobre as condições de trabalho das prostitutas e prostitutos.

As multas começam nos 1500 euros e aumentam para reincidentes. Os trabalhadores do sexo, por outro lado, deixam de ser vistos como criminosos. Ou seja, o objetivo é responsabilizar os clientes, uma vez que sem eles não “haverá tráfico humano”, explicou o deputado Guy Geoffroy.

No início do ano o parlamento europeu aprovou uma resolução que pedia que o chamado “modelo nórdico” fosse adotado nos países da UE – a Suécia foi o primeiro país a criminalizar a comportamento dos clientes, em vez do das prostitutas, em 1999.

A Amnistia Internacional diz que este tipo de leis fazem os trabalhadores sexuais correr mais riscos para proteger os clientes da polícia.

One Response to “Multas acima dos 1500 euros contra a prostituição em França”


Licínio Fonseca
Abril 18, 2016 Responder

A senhora Angela Merkel ofereceu aos islâmicos o eldorado alemão e europeu que os faz arriscar tudo levando a que muitos percam a vida, fazendo dessa senhora co-responsável por essas mortes, agora a França está a querer imitar o Pol Pot com a obrigação de frequentar aulas onde vão aprender sobre a ideologia dos mandantes de ocasião.

E temos a Europa que merecemos.

Leave a Comment


%d bloggers like this: